Worldpackers: viaje o mundo sem gastar nada com hospedagem!

Você tem muita vontade de viajar, mas sempre esbarra naquele probleminha da falta de grana para comprar passagem, pagar hospedagem e alimentação? Então esta dica é para você! O site Worldpackers foi criado para ajudá-lo a resolver parte deste problema!

Criado pelos amigos Riq Lima e Eric Faria, o Worldpackers é uma plataforma online que conecta viajantes dispostos a trocar suas habilidades (mão-de-obra) por acomodação e inúmeros anfitriões ao redor do mundo.

Com o slogan Travel Experiences Money can’t buy (experiências de viagem que o dinheiro não pode comprar) o site proporciona a oportunidade de viajar e se hospedar de graça àqueles que curtem este tipo de experiência. Bacana não!?

Worldpackers: como funciona a plataforma?

Como se cadastrar no Wordpackers?

Utilizar o site é muito simples. Primeiro você tem que fazer um cadastro. Para isto, acesse a página de cadastro do Worldpackers. Você tem a opção de se cadastrar com o seu perfil no Facebook ou, utilizando o seu e-mail pessoal.

Worldpackers: cadastro

Nós optamos por utilizar um e-mail pessoal. Em seguida, você deve preencher as informações solicitadas (primeiro e último nome, senha, data de nascimento e sexo) e clicar no botão SIGN UP. Com o cadastro pronto, você pode completar o seu perfil ou, se preferir, começar a fazer a sua busca no site.

Como encontrar uma hospedagem no Worldpackers?

A figura abaixo resume bem o processo para você encontrar a sua hospedagem “gratuita”. O primeiro passo é fazer uma busca para verificar se há um anfitrião disposto a recebê-lo na cidade para onde você deseja viajar (Discover).No exemplo abaixo, nós selecionamos a cidade de Bangkok.

Worldpackers: hospedagens e taxas

Para saber que tipo de trabalho você pode desenvolver junto ao anfitrião em troca da hospedagem, basta acessar a página da hospedagem e clicar no botão Opportunitie.

Worldpackers: tela de oportunidades

Depois de analisar os anfitriões disponíveis na cidade para onde você deseja viajar e selecionar aqueles que você gostou, você deve entrar em contato com eles e tirar todas as suas dúvidas e/ou esclarecer as dúvidas dos anfitriões, acertar as datas da viagem, o que você vai fazer em troca da hospedagem, etc.

Worldpackers: 3 passos para utilizar o site

Depois que estiver tudo certo e a sua viagem confirmada, você tem que pagar uma taxa cobrada pelo Worldpackers. O valor depende do local que você escolheu e varia entre 10 e 50 dólares.

E aí, está esperando o que para começar a programar sua próxima viagem? A hospedagem não é mais um problema. 😉

Se você gostou desta dica, clica nas estrelinhas aí embaixo (linha azul) e avalie nosso trabalho. A sua opinião nos ajuda a melhorar cada dia mais!

 

Submit your review
1
2
3
4
5
Submit
     
Cancel

Create your own review

Average rating:  
 0 reviews
Marlise V. Montello

Marlise V. Montello

Marlise V. Montello é jornalista e, há algum tempo, decidiu escrever sobre uma de suas paixões: viagens. O objetivo é ajudar aqueles que, como ela, sempre que podem arrumam a mochila e colocam o pé-na-estrada em busca de novas descobertas. Seus roteiros preferidos são aqueles que oferecem contato com a natureza, com a gastronomica e com a arte.

14 comentários em “Worldpackers: viaje o mundo sem gastar nada com hospedagem!

  • novembro 16, 2016 em 11:24 pm
    Permalink

    As passagens estão incluídas? Ou somente a hospedagem

    Resposta
    • Marlise V. Montello
      novembro 20, 2016 em 8:27 pm
      Permalink

      Olá Helo,
      Seria bom se as passagens também estivessem incluidas mas até onde já li, é só a hospedagem!
      Att, Marlise V. Montello

      Resposta
  • novembro 9, 2016 em 7:06 pm
    Permalink

    Olá, achei muito interessante o Worlparkers, mas gostaria de saber se é preciso visto pra ir a outros países, e se o hostel manda alguma carta, facilitando a solicitação do visto. Obrigado desde já.

    Resposta
    • Marlise V. Montello
      novembro 9, 2016 em 10:34 pm
      Permalink

      Olá Bruno,
      Cada país tem suas próprias regras. Há países que exigem visto de turista, outros não exigem. Já em relação ao hostel, não sei te responder, você teria que entrar em contato direto com eles.
      Att, Marlise V. Montello

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *